SINTECT/CAS - Av. Francisco Glicério, 2265- CEP:13023-100 - Guanabara - Campinas/SP - Fone:(19) 3234-7185 - sintect-cas@outlook.com 
Essa pagina é de responsabilidade da Diretoria Colegiada do SINTECT/CAS - Gestão 2016 - 2019 - Todos direitos reservados ©

Campanha Salarial 2019 

Empresa aposta na enrolação e se comporta de maneira irresponsável

23/07/2019

    Os representantes da ECT estão mesmo apostando no esgotamento do calendário de negociações para evitar a mobilização massiva dos trabalhadores. A estratégia não é nova, mas nessa Campanha Salarial tem sido usada de maneira mais agressiva, inclusive com o descumprimento das reuniões acordadas.

 

        Na semana em que pouco se avançou, sobretudo pela relutância da empresa em apresentar o índice econômico, os representantes dos Correios se ausentaram da reunião de quarta-feira (17) sem qualquer aviso prévio. Na mesma data, membros da Comissão de Saúde que participam do PMPP que discute a manutenção de pais e mães no plano foram convidados pela vice-presidência do TST a assistir a apresentação de uma proposta de uma nova modalidade de custeio.

 

Reunião no TST foi apenas para elucidar o PMPP

       Os representantes do TST divulgaram a utilização de variáveis apenas para apresentação de simulação referente ao plano de saúde. Não existe, portanto, proposta oficial de reajuste econômico, sendo apenas uma sugestão usada para entendimento da cláusula que foi apresentada.

       A Comissão de Saúde da FENTECT reiterou que qualquer encaminhamento deve ser formalizado como proposta ao Comando Nacional de Negociação e Mobilização e encaminhado para conhecimento dos trabalhadores em assembleias realizadas pelas entidades sindicais. A FENTECT informa que até o momento não existe mediação para o Acordo Coletivo de Trabalho.

 

Negociações desta quinta-feira foram marcadas pela tentativa de mudanças nas cláusulas sociais

       Nesta quinta-feira (18) a representação da empresa propôs alterar diversas cláusulas sociais que foram construídas a custo de muita luta nos últimos anos. Com a tentativa de mudança de trechos e palavras, a ECT alegava buscar uma forma de “contemplar” os trabalhadores depois que as primeiras propostas foram recusadas em assembleias por todo o país.

     O Comando Nacional de Negociação, no entanto, se manteve atento e acionou a assessoria jurídica para certificar que eventuais “pegadinhas” não viessem a prejudicar os trabalhadores. A representação da FENTECT agora traça estratégicas para garantir que as negociações avancem nos próximos dias.

 

Federação orienta que trabalhadores se mobilizem a partir de assembleias na próxima semana

       De acordo com o calendário de lutas da FENTECT, as assembleias para aprovação de indicativo e estado de greve devem acontecer a partir da próxima semana em todos os estados.

    Como a ECT se recusa a apresentar uma proposta econômica e trava o cumprimento do calendário anteriormente acordado, os trabalhadores precisam se mobilizar de maneira forte e unificada para derrotar o que pode vir a ser uma proposta desastrosa para a categoria.

        A ECT se comporta de maneira irresponsável jogando com a vida de 100 mil famílias. A proposta até agora é deixar os ecetistas na incerteza, usando a angústia de diversos trabalhadores como forma de desmobilizar. A Federação reafirma seu compromisso com o debate democrático e a defesa dos direitos dos trabalhadores dos Correios de todo o Brasil contra a privatização e por salários e condições dignas de trabalho e convoca todos os trabalhadores a comparecer à assembleia para a construção de um forte movimento de resistência.

Não fique só, Fique sócio!

Imprima AQUI

sua ficha de filiação